Última hora

Última hora

Senado norte-americano aprova levantamento de algumas restrições a cubanos

Em leitura:

Senado norte-americano aprova levantamento de algumas restrições a cubanos

Tamanho do texto Aa Aa

Os contactos entre os Estados Unidos e Cuba vão ficar mais fáceis. O senado norte-americano aprovou esta terça-feira um projecto de lei que levanta as restrições de viagens aos cidadãos cubanos de origem norte-americana que pretendam deslocar-se à ilha.

Assim, os cubanos a viver nos Estados unidos dverão poder passar a visitar os familiares em Cuba uma vez por ano. A lei até agora em vigor permite apenas uma visita a cada três anos. O novo diploma também vai facilitar as transferências de dinheiro entre o continente americano e Cuba. Nas ruas de Havana, as reacções a esta notícia são diversas. “Vejo esses sinais como muito positivos porque estamos a viver uma era muito interessante na qual nós precisamos de comunicar, e não continuar a viver nesse bloqueio mental e psicológico de força e pensamento político. Isso já passou”, declarou um residente da capital cubana. “Não passa de uma mudança de presidente. É sempre a mesma coisa. Eles começam bem mas no fim, fica tudo na mesma”, acrescentou outro transeunte. O projecto legislativo aprovado pelos senadores norte-americanos estabelece ainda que as exportações de medicamentos dos Estados Unidos para Cuba deixem de ser pagas adiantadamente. As novas medidas não anulam o embargo imposto por Washington a Havana, em vigor desde 1962.