Última hora

Última hora

Escândalo no sector da saúde no Reino Unido

Em leitura:

Escândalo no sector da saúde no Reino Unido

Tamanho do texto Aa Aa

Foi o número anormal de mortes que atraiu as atenções e desencadeou o inquérito oficial. Quatrocentas pessoas morreram entre 2005 e 2008 no hospital público de Sttaford por razões que nada teriam a ver com as causas das respectivas doenças.

“O que aqui encontramos chocou-nos imenso, era um grande centro de negócio, um local de saúde caotico. As coisas estavam mal em todos os pisos, desde a recepção até aos blocos operatórios” refere o Comissário da Saúde Segundo a investigação efectuada eram as recepcionistas deste hospital que efectuavam os primeiros diagnósticos do doente por falta de pessoas competentes, os aparelhos eram inutilizados porque ninguém sabia como funcionavam, não havia pessoal para se ocupar da higiéne dos doentes. Os familiares dos doentes denunciam : “Não eram alimentados, não eram lavados, vi doentes comerem com os dedos onde enrolavam um filme plástico, usavam os dedos como talher”. O escândalo levou os familiares dos doentes falecidos a criarem uma associação para pedir contas às autoridades competentes. O ministro da Saúde, Alan Jonhson já pediu publicamente desculpas por esta deriva e garante que irão se apuradas responsabilidades por todos estes erros de gestão. Eles enfrentavam aparentemente problema de falta de dinehiro para fazerem funcionar o hospital”.