Última hora

Última hora

Berlusconi inaugura incineradora em Nápoles

Em leitura:

Berlusconi inaugura incineradora em Nápoles

Tamanho do texto Aa Aa

O primeiro-ministro italiano regressou hoje a Nápoles para decretar o fim da “crise do lixo” que há 15 anos afecta a cidade.

Silvio Berlusconi inaugurou a primeira incineradora da região da Campania, que deverá tratar 600 mil toneladas de resíduos anuais – apenas um terço da quantidade produzida na região. Mas a primeira de quatro instalações que deverão tentar resolver o problema, é alvo de criticas de varias organizações ecologistas, que denunciam a falta de infraestruturas de triagem de resíduos e o controlo da máfia sobre o sector. Desde 1994 que o governo decretou o “estado de emergência sanitária” na região face à falta de infraestruturas para armazenar e tratar toneladas de resíduos. Depois de meses de protestos, no início do ano passado, a resolução do problema foi uma das principais promessas de campanha de Berlusconi. Há um ano, em Maio, o primeiro-ministro realizava o primeiro conselho de ministros do governo em Nápoles, logo após a reeleição. Mas a situação está longe de estar resolvida, o projecto da incineradora encontra-se bloqueado há pelo menos oito anos pela justiça, que acusa a construtora e vários responsáveis regionais de fraude agravada.