Última hora

Última hora

Espanha explica retirada do Kosovo à NATO

Em leitura:

Espanha explica retirada do Kosovo à NATO

Tamanho do texto Aa Aa

Uma semana depois do controverso anúncio de retirada das tropas espanholas do Kosovo, a ministra das Defesa espanhola reuniu-se esta quinta-feira com o secretário-geral da NATO.

O objectivo do encontro de Carme Chacón com Jaap de Hoop Scheffer foi dar a conhecer o porquê da retirada e garantir que será feita de forma “gradual, flexível e coordenada” com a Aliança Atlântica. Chacón garantiu que o seu país mantém-se fiel aos princípios e valores da Aliança. O anúncio surpresa de Madrid na semana passada irritou a NATO e os Estados Unidos provocando várias críticas. No seio da KFOR existem cerca de 650 soldados espanhóis que o governo de Jose Luis Rodriguez Zapatero tenciona retirar até ao verão. Face a problemas nacionalistas internos, nomeadamente na Catalunha e no País Basco, Madrid recusa reconhecer a independência do Kosovo e considera que o seu papel militar na região foi cumprido.