Última hora

Última hora

Governo turco punido nas urnas

Em leitura:

Governo turco punido nas urnas

Tamanho do texto Aa Aa

Os eleitores turcos mostraram um cartão amarelo ao governo e o primeiro-ministro percebeu a mensagem. Recep Tayyip Erdogan poderá proceder a mudanças no executivo, depois do AKP ter sido punido nas eleições municipais de ontem.

O AKP ganhou o escrutínio, mas com o pior resultado desde que chegou ao poder em 2002. A crise económica e a alta taxa de desemprego enfraqueceram a popularidade do executivo. Segundo Murat Yetkin, editorialista, “os eleitores turcos disseram ao governo do AKP que querem uma mudança da política. Uma mudança em termos políticos mas, sobretudo, económicos, porque ao longo da campanha, o primeiro-ministro ignorou a crise económica mundial, dizendo que ela não afectaria a Turquia”. O AKP manteve as principais cidades como Istambul e Ancara, mas mesmo aí, a oposição conseguiu ganhar terreno. Para uma habitante de Istambul, “os jovens acordaram. Há sectores a que Erdogan tem dado atenção, mas mostrou-se ineficaz em outras áreas. E as impressões não são boas. Desejo que haja uma melhoria no futuro”. Actualmente, o desemprego atinge 13% e a economia deverá entrar em recessão este ano. A situação não é fácil para o governo, que perante tais resultados eleitorais, vê complicar-se a tarefa para avançar com reformas difíceis.