Última hora

Última hora

Patrão da GM demite-se a pedido da Casa Branca

Em leitura:

Patrão da GM demite-se a pedido da Casa Branca

Tamanho do texto Aa Aa

O “patrão” da General Motors demitiu-se a pedido da Casa Branca.

Foi a contrapartida exigida pelo presidente norte-americano para que o gigante do sector automóvel possa continuar a receber financiamento público. Rick Wagoner, de 55 anos, esteve à frente da General Motors durante oito anos. A notícia sobre a demissão precede em poucas horas a divulgação do plano do governo para uma injecção financeira no sector. O presidente dos Estados Unidos apresenta esta segunda-feira o plano de salvamento da indústria automóvel. Numa entrevista a um canal nacional, Obama sublinhou que para receberem mais dinheiro a General Motors e a a concorrente Chrysler terão de proceder a reestruturações mais profundas. As duas construtoras enfrentam graves dificuldades e sobrevivem à custa de uma injecção governamental de mais de 13 mil milhões de euros. Mas os dois gigantes norte-americanos precisam de mais dezasseis milhões de euros para sobreviverem. Barack Obama exige concessões da parte dos accionistas e dos trabalhadores.