Última hora

Última hora

G20 à mesa em Downing Street

Em leitura:

G20 à mesa em Downing Street

Tamanho do texto Aa Aa

Os líderes mundiais presentes na cimeira do G20 jantaram esta noite na residência oficial do primeiro-ministro britânico, Gordon Brown.

Um jantar de preparação para uma das cimeiras de maiores expectativas dos últimos anos. Dos vinte mais ricos do mundo esperam-se as soluções para acabar com os efeitos nefastos da crise económica e financeira. Ocasião para tomar o pulso às posições de cada um, sabendo-se à partida que há grandes divergências. Por exemplo, Merkel e Sarkozy não abdicam da regulação do sistema financeiro; Obama e Brown querem mais estímulos à economia e Medvedev tenciona pôr em causa o papel do dólar como moeda de referência nos mercados. Antes deste primeiro contacto à volta de uma mesa onde foram degustadas iguarias provenientes de toda a Grã-Bretanha; os líderes e as esposas foram recebidos no Palácio de Buckingam pela rainha Isabel II e Carlos, o princípe herdeiro. Uma estreia para Barak e Michele Obama e a ocasião para um encontro informal entre o presidente norte-americano e o seu homólogo russo, que faz prever uma nova atmosfera. Depois da conversa com Obama, Medvedev falou de “respeito mútuo” e de “optimismo no futuro das relações russo-americanas”.