Última hora

Última hora

2ª volta das presidenciais na Eslováquia

Em leitura:

2ª volta das presidenciais na Eslováquia

Tamanho do texto Aa Aa

Hora de decisão na Eslováquia com a 2ª volta das presidenciais.

Depois de ter provocado a surpresa no primeiro sufrágio ao alcançar 38% dos votos, a candidata da oposição Iveta Radicova tem poucas hipóteses de vencer este sábado. Todo o favoritismo, segundo as sondagens, vai para a reeleição de Ivan Gasparovic que conseguiu quase 47% dos votos expressos na primeira volta no passado dia 21 de Março. 4 milhões dos 5 milhões e 400 mil habitantes da Eslováquia são chamados às urnas num sufrágio que é visto como um teste para o governo de Bratislava. Com legislativas agendadas para dentro de um ano, o popular primeiro-ministro Robert Fico empenhou-se na campanha em apoio ao presidente Gasparovic, um jurista de 68 anos. A crise foi um dos temas dos debates com a socióloga de 52 anos, Radicova, a primeira mulher a chegar à segunda volta dumas presidenciais na Eslováquia. O sector financeiro tem sobrevivido sem ajudas públicas, mas a queda na procura e nas exportações fez disparar o desemprego neste país que entrou recentemente para a zona euro.