Última hora

Última hora

Talibã paquistanês reinvidica ataque em Nova Iorque

Em leitura:

Talibã paquistanês reinvidica ataque em Nova Iorque

Tamanho do texto Aa Aa

Muitos familiares das vítimas do massacre de ontem em Nova Iorque procuram agora consolo nos serviços religiosos. Binghamton foi palco de uma carnificina cometida por homem armado que matou 13 pessoas. A agência Reuters diz ter recebido um telefonema em que um líder talibã paquistanês reivindicou responsabilidades pelo ataque.

Antes de entrar na sede da Associação Cívica Americana, uma organização de auxílio a emigrantes, o atirador barrou a porta das traseiras com o automóvel. Dentro do edifício e com duas armas de fogo atirou a matar. Depois terá posto termo à vida antes da intervenção da polícia. “As operações especiais começaram a entrar. De repente, vemos um civil a sair levado por muitas outras pessoas. Foi colocado de imediato na ambulância”, referiu uma testemunha. Ainda pouco se sabe sobre a origem e os motivos do atacante. Uma coisa é dada como certa, o homem estava a frequentar aulas de inglês na Associação Cívica Americana com vista ao pedido de naturalização.