Última hora

Última hora

Cientista que previu sismo exige desculpas

Em leitura:

Cientista que previu sismo exige desculpas

Tamanho do texto Aa Aa

Após a tragédia, a controvérsia instalou-se em torno de um cientista que previu e alertou autoridades e população para a ocorrência de um sismo de grande magnitude na região de Abruzzo.

Há várias semanas o cientista colocou alertas na internet e carros com altifalantes anunciaram o perigo eminente. Mas face a ameaças judiciais por falso alarme, acabou por recuar. Silvio Berlusconi juntou-se aos dirigentes políticos na defesa do argumento de que não é possível prever sismos e as réplicas. As autoridades argumentam terem seguido as indicações da Comissão Nacional de Grandes Riscos, que reúne peritos italianos em catástrofes naturais, após uma reunião em Março. O cientista Giampaolo Giuliani baseou os alertas nos níveis elevados de “radon”, um gás radioactivo natural, em torno das áreas sísmicas activas. Desde Janeiro que a região de abruzzo tem sido sacudida por pequenos abalos telúricos Giuliani exige agora as desculpas do director da protecção civil, Guido Bertolaso, que o ameaçou com um processo judicial por falso alarme.Um alerta, que se revelar justificado e que, tido em conta, teria salvo inúmeras vidas.