Última hora

Última hora

Coreia do Norte lança a dúvida...

Em leitura:

Coreia do Norte lança a dúvida...

Tamanho do texto Aa Aa

Enquanto o mundo se questiona sobre o lançamento de um projéctil norte-coreano, que ninguém sabe se foi um míssil ou um satélite, centenas de sul-coreanos protestam em Seul.

Pelo sim pelo não, os sul-coreanos mostram o descontentamento pelas provocações nucleares do vizinho do norte. Desde domingo que as informações são contraditórias: Pyongyang diz que lançou um satélite e a operação foi um êxito, enquanto os Estados Unidos e a Rússia garantem que nenhum satélite entrou em órbita e Tóquio mostra imagens de uma zona do Mar do Japão onde um projéctil terá caído. O Japão e a Coreia do Sul acreditam tratar-se de um teste de míssil. Da Coreia do Norte chegaram fotografias alegadamente tiradas nas proximidades da plataforma de lançamento do satélite, ao qual o presidente Kim Iong Il terá assistido. Bem ou mal sucedido, o lançamento é, por si só, uma provocação para a comunidade internacional e no domingo o Conselho de Segurança das Nações Unidas reuniu durante três horas para analisar a questão. Nenhuma decisão foi tomada. A China e a Rússia, países com direito de veto, mostram-se reticentes à imposição de sanções. Pyongyang reclama, entretanto, o direito a desenvolver aquilo a que chama missões espaciais pacíficas.