Última hora

Última hora

Balanço não pára de subir na região de Abruzzo

Em leitura:

Balanço não pára de subir na região de Abruzzo

Tamanho do texto Aa Aa

Dezassete mil, dos 28 mil desalojados pelo sismo em Áquila, vivem actualmente nas tendas instaladas pelas autoridades. Os restantes deixaram a zona rumo a casa de amigos e familiares. Quanto tempo irá a situação durar: é a questão que todos se colocam. Todos temem que se prolongue por anos, como reconhece o chefe da Cruz Vermelha.

Para já, os esforços estão concentrados nos socorros. Oito mil e quinhentas pessoas estão no terreno. O balanço que continua a ser provisório dá conta de 260 mortos, entre os quais 16 crianças. Nove corpos continuam por identificar e o número de desaparecidos ronda ainda as três dezenas, segundo os bombeiros.