Última hora

Última hora

SIDA um dos maiores flagelos em África

Em leitura:

SIDA um dos maiores flagelos em África

Tamanho do texto Aa Aa

O flagelo da SIDA não encontra barreiras no continente africano. Milhares de pessoas são contaminadas diariamente. Mais de 10% da população dos países da região subsariana sofrem com este flagelo.

Os esforços de prevenção, conduzidos, essencialmente, por ONG’s, dão alguns frutos mas não suficientes. Os mais vulnerável são as pessoas portadoras de deficiência. No Quénia, um dos países mais afectados, as associações tentam protegê-las.