Última hora

Última hora

Imigrantes resgatados "à espera" em navio mercante

Em leitura:

Imigrantes resgatados "à espera" em navio mercante

Tamanho do texto Aa Aa

Continua o braço de ferro entre Itália e Malta.

O navio mercante que resgatou 140 imigrantes clandestinos no Mediterrâneo, na quinta-feira, encontra-se a cerca de 20 milhas da ilha italiana de Lampedusa. A guarda costeira transalpina levou mantimentos aos imigrantes. Duas pessoas foram transportadas para Lampedusa por razões de saúde. O resgate está a provocar um diferendo entre Malta e Itália. La Valetta propôs que os imigrantes fossem levados para Lampedusa, o porto mais próximo, apesar de o resgate se ter dado em águas territoriais maltesas. Itália considera que os imigrantes são responsabilidade de Malta. Entretanto, uma embarcação com mais de 250 imigrantes sem documentos foi interceptada a noite passada pelas autoridades italianas. Os clandestinos já estão no porto de Pozzallo.