Última hora

Última hora

Ameaça talibã aproxima-se de Islamabad

Em leitura:

Ameaça talibã aproxima-se de Islamabad

Tamanho do texto Aa Aa

Os talibãs estão cada vez mais perto de Islamabad. A progressão dos talibãs no noroeste do Paquistão foi confirmada esta quinta-feira com a presença de patrulhas de combatentes a cerca de 100 quilómetros da capital paquistanesa.

Os Estados Unidos não escondem alguma inquietação sobre a recrudescência da ameaça talibã. Depois de o presidente paquistanês ter ratificado na semana passada a imposição da lei islâmica no Vale de Swat, esta quinta-feira surge a confirmação de que os combatentes ligados à Al Qaida controlam o distrito de Bruner, nesta mesma região, perto da capital paquistanesa. Sobre a questão da Sharia, o 1° ministro Yusaf Raza Gilani explicou em conferência de imprensa que para ratificar o acordo o presidente impôs uma condição, a de que “independentemente do texto assinado com as autoridades regionais, os talibãs têm que se desarmar e restaurar a paz.” Esta quinta-feira, dezenas de militantes armados com armas automáticas e bombas incendiárias atacaram um terminal de camiões em Peshawar, no noroeste do Paquistão, e incendiaram cinco camiões cisterna que transportavam combustível para as tropas da NATO estacionadas no Afeganistão.