Última hora

Última hora

Presidência Checa apazigua relações com Israel

Em leitura:

Presidência Checa apazigua relações com Israel

Tamanho do texto Aa Aa

Ao contrário da Comissão Europeia, a presidência checa da União joga a carta do apaziguamento das relações com Israel. O ainda primeiro-ministro checo, Mirek Topolanek, recebido em Jerusalém pelo presidente israelita Shimon Peres, afirmou que a República Checa não aceitará o abrandamento das relações com o Estado hebreu.

Na quinta-feira, o primeiro-minsitro israelita, Benjamin Netanyahu, tinha apelado ao seu homólogo checo, para que não impusesse condições a Israel. Uma resposta interposta à comissária europeia para as relações externas. Benita Ferrero-Waldner afirmou que a Europa espera que o novo governo israelita prossiga as negociações com os palestinianos, e não abre mão da solução de dois Estados. Uma solução que Netanyahu rejeita. A União Europeia desempenha um papel crucial na ajuda à população palestiniana. Quer se trate de cobrir as necessidades básicas de água, alimentos, e assistência sanitária, ou quer se trate de ajuda à reconstrução ou à educação, a União Europeia é o primeiro doador de fundos à população palestiniana.