Última hora

Última hora

UE dividida sobre resposta à gripe suína

Em leitura:

UE dividida sobre resposta à gripe suína

Tamanho do texto Aa Aa

Os ministros da saúde europeus vão reunir-se esta tarde de urgência no Luxemburgo para discutir medidas para conter a propagação da gripe mexicana.

Em cima da mesa vai estar a possibilidade de cancelar os voos com destino ao México, uma proposta avançada ontem pela ministra da Saúde francesa. Nos últimos dias os países da União reforçaram os controlos nos aeroportos sobre os passageiros provenientes da América do Norte. Mas à semelhança do Comissário europeu dos transportes, Antonio Tajani, a maioria dos estados-membros duvida da eficácia e custos do cancelamento dos voos para o México. “A posição da Comissão e de todos os outros ministros é de não exagerar ao nível do alerta. É preciso estar atento, defender os interesses dos cidadãos, mas é preciso ser muito cauteloso para não semear o pânico entre a população”, afirmou Tajani. Na América Latina, países como a Argentina, Cuba ou Equador já cancelaram os voos para o México, os Estados Unidos limitam-se para já a desaconselhar as viagens ao país. Durante a reunião de hoje, os responsáveis europeus vão tentar coordenar as medidas de diagnóstico e tratamento, apesar das divergências ao nível do financiamento dos medicamentos antivirais.