Última hora

Última hora

Chrysler e Fiat anunciam parceria

Em leitura:

Chrysler e Fiat anunciam parceria

Tamanho do texto Aa Aa

A Chrysler anunciou uma aliança com a italiana Fiat.

O acordo surge no dia em que a construtora norte-americana decidiu avançar com um pedido de falência que a coloca em regime de protecção de credores. O presidente Barack Obama descreve esta aliança como uma nova oportunidade para a Chrysler. “Não deve haver dúvidas sobre o que significa um processo de falência. Não se trata de um sinal de fraqueza, mas de mais um passo em direcção ao renascimento da Chrysler” afirma. O acordo coincide com o fim do prazo dado pela administração norte-americana para que a companhia apresentasse um plano de reestruturação. A aliança permite à Chrysler traçar um novo caminho para o futuro e à Fiat reforçar a posição em novos segmentos de mercado. O ministro italiano do Desenvolvimento Económico diz que “este acordo é muito positivo.” Para Claudio Scajola “significa que a Itália é reconhecida no mundo e, sobretudo, nos Estados Unidos, acrescentando, que o país “é admirado pelas indústrias, pelo desenvolvimento tecnológico e pelos seus executivos.” Em Janeiro, a Fiat e a Chrysler assinaram um princípio de acordo que previa que a construtora italiana ficasse com 20% da norte-americana. Excluído ficou qualquer pagamento da Fiat à Chrysler, mas apenas o fornecimento de tecnologia para a produção de veículos mais pequenos e económicos.