Última hora

Última hora

Recorde de participação nas celebrações do 1° de Maio na Rússia

Em leitura:

Recorde de participação nas celebrações do 1° de Maio na Rússia

Tamanho do texto Aa Aa

Um misto de celebração e protesto…. o 1° de Maio na Rússia bateu hoje todos os recordes de participação desde a queda do comunismo.

Segundo os organizadores, 70 mil pessoas desfilaram esta manhã em Moscovo. Em todo os país foram mais de dois milhões e meio. É o resultado das preocupações dos russos com a crise económica e a subida do desemprego. Alguns desfilaram empunhando cartazes que apresentam o socialismo como a solução ou criticavam os oligarcas, cada vez mais ricos. Em Moscovo, as celebrações do agora chamado Dia da Primavera e do Trabalho decorreram num ambiente de festa, enquanto em São Petersburgo, uma manifestação da extrema-direita e de militantes anti-imigração terminou com a detenção de 120 pessoas. Em Moscovo foram apenas autorizados os desfiles do partido Rússia Unida, no poder, e dos comunistas.