Última hora

Última hora

Ataques talibãs continuam a fazer vítimas na fronteira entre Paquistão e Afeganistão

Em leitura:

Ataques talibãs continuam a fazer vítimas na fronteira entre Paquistão e Afeganistão

Tamanho do texto Aa Aa

Dois paramilitares paquistaneses e 16 milicianos mortos é o balanço de um ataque levado a cabo pelos talibãs, durante a noite, contra um posto de controlo paquistanês junto à fronteira com o Afeganistão.

De acordo com o porta-voz do exército de Islamabad, os insurgentes lançaram um violento ataque contra o posto de Spinki Tangi, na região de Mohmand, que faz fronteira com província afegã de Kunar. Este ataque surge um dia depois das forças armadas paquistanesas terem anunciado a morte de 60 talibãs no decorrer da contra-ofensiva do exército paquistanês nos distritos de Buner e Dir, junto ao Vale de Swat. Na sexta-feira, precisamente na província afegã de Kunar, um ataque perpetrado pelos talibãs matou cinco soldados da ISAF, a força internacional da NATO no Afeganistão. A identidade das vítimas não foi revelada, mas a porta-voz do exército dos Estados Unidos referiu tratar-se de três soldados norte-americanos e dois letões. Na quarta-feira, Barack Obama vai reunir-se com os seus homólogos afegão, Hamid Karzai, e paquistanês, Ali Asif Zardari, para definir uma estratégia de cooperação mais eficaz entre os dois países na luta contra os talibãs.