Última hora

Última hora

Está aberto o caminho da ractificação do tratado de Lisboa

Em leitura:

Está aberto o caminho da ractificação do tratado de Lisboa

Tamanho do texto Aa Aa

O presidente da Comissão Europeia congratula-se pela aprovação do texto pelo Senado da República Checa.

Segundo Barroso este resultado reflete uma União Europeia “mais democrática, mais responsável, eficaz e coerente. Várias vezes adiado o Tratado de Lisboa enfrenta agora a hora da verdade depois de 54 dos 79 senadores checos terem dito sim ao texto, uma maioria superior aos três quintos necessários. A República Checa era o único país da UE que ainda não se tinha pronunciado sobre o tratado assinado em Lisboa em Dezembro de 2007. Para terminar definitivamente o processo de ratificação, o tratado terá agora de ser promulgado pelo Presidente checo, o eurocéptico Vaclav Klaus , que pode atrasar a conclusão da aprovação mas não impedi-la. O Tratado Reformador da União Europeia tem como último obstáculo à sua entrada em vigor a ratificação pela Irlanda, que marcou para o Outono um segundo referendo depois da rejeição verificada numa primeira consulta popular, em Junho de 2008. O presidente Vaclav Klaus garantiu que não vai aprovar o Tratado devido à rejeição dos irlandeses no ano passado e porque espera uma mudança de tribunal na República Checa.