Última hora

Última hora

Ex-soldado dos EUA arrisca pena de morte por violação e assassinato de adolescente iraquiana

Em leitura:

Ex-soldado dos EUA arrisca pena de morte por violação e assassinato de adolescente iraquiana

Tamanho do texto Aa Aa

Um antigo soldado norte-americano foi considerado culpado pela violação e morte de uma adolescente iraquiana e pelo assassinato da sua família perto de Bagdade em 2006.

Steven Dale Green foi julgado por um tribunal civil do Kentucky, depois de ser afastado do Exército por “problemas de personalidade”. A pena a atribuir ao ex-militar será debatida a partir de segunda-feira. Green poderá ser condenado à morte pelos crimes cometidos quando tinha 19 anos contra uma família iraquiana de Mahmudiya, a 20 quilómetros de Bagdade. Green é o último de um grupo de cinco soldados julgados pelo envolvimento no crime. Três declararam-se culpados perante tribunais militares e um quarto foi condenado por um tribunal marcial. Os quatro militares foram condenados a penas de cinco a cem anos de prisão. A questão de abusos contra a população iraquiana manchou em várias ocasiões as operações norte-americanas no Iraque e este caso concreto inspirou o filme “Redacted”, de Brian de Palma.