Última hora

Última hora

Paquistão intensifica ofensiva no Vale Swat

Em leitura:

Paquistão intensifica ofensiva no Vale Swat

Tamanho do texto Aa Aa

O exército paquistanês está a intensificar a ofensiva militar contra os talibã no Vale Swat.

Os últimos bombardeamentos terão provocado a morte a pelo menos 12 militantes islâmicos. É a resposta de Islamabad, um dia depois do apelo lançado contra o extremismo O primeiro-ministro paquistanês, Yousuf Raza Gilani, refere que a incursão levada a cabo pelo exército visa restaurar a ordem e dignidade do país e proteger a população contra os combatentes islamitas e os terroristas. Os confrontos entre o exército paquistanês e os talibã no noroeste do país dura há cerca de 12 dias. Para travar o avanço dos islamitas, o Governo aceitou a instauração da lei islâmica na região controlada há cerca de dois anos pelos extremistas. Esta quinta-feira, Islamabad anunciou a caça ao homem no Vale Swat. Uma medida põe fim a um acordo de paz assinado em Fevereiro. Na sequência dos confrontos milhares de pessoas abandonaram a região, numa altura em que várias ONG’s temem o agravar da crise humanitária. A fome e a sede são um dos principais problemas. “Não temos água e estamos muito tristes”, afirma uma criança. Uma outra refugiada diz que “está muito calor, as crianças choram e não temos comida,” adiantando, que “para cá chegar tivemos de atravessar as montanhas” Estima-se que até ao momento cerca de 500 mil pessoas tenham deixado o noroeste do país.