Última hora

Última hora

Papa alerta para manipulação das doutrinas religiosas

Em leitura:

Papa alerta para manipulação das doutrinas religiosas

Tamanho do texto Aa Aa

Manipular as doutrinas religiosas é perigoso e pode resultar em violência.

Essa foi a mensagem de Bento XVI durante uma visita a uma das maiores mesquitas da Jordânia. No templo Al Hussein Bin Talal, o Papa apelou ao diálogo inter-religioso. A tensão gerada no mundo mulçumano em 2006 também não esquecida pelo princípe da Jordânia, que acompanhou a delegação do Vaticano Ghazi Bin Muhammad agradeceu a postura assumida pelo Papa, após o célebre discurso proferido na Alemanha em 2006 e encarado pela comunidade muçulmana como uma ofensa ao Islão. O bispo auxiliar de Amã saiu em defesa de Bento XVI, sublinhando, que o Papa não quis insultar ninguém e que a viagem à Turquia prova o papel em prol do diálogo inter-religioso. Bento XVI reconheçeu as divisões e as tensões geradas pelo episódio, mas lembrou que a manipulação das doutrinas religiosas tem, por vezes, fins políticos que acabam por degenerar em violência. Durante a visita ao templo muçulmano, o Pontífice não retirou os sapatos como ditam as regras muçulmanas. Uma excepção, que o porta-voz do Vaticano diz ter sido consentida, graças a um percurso alternativo.