Última hora

Última hora

Zapatero lança campanha para as eleições europeias

Em leitura:

Zapatero lança campanha para as eleições europeias

Tamanho do texto Aa Aa

O primeiro-ministro espanhol, Jose Luis Rodriguez Zapatero, inaugurou, este domingo, a campanha dos socialistas para as eleições europeias de Junho, com um forte ataque à oposição.

Falando para 15 mil apoiantes na Palácio da Vistalegre, em Madrid, Rodriguez Zapatero verberou todos aqueles que ficam nervosos, quando surgem boas notícias para a economia. “Quando aparece uma notícia um pouco mais positiva – um rebento verde, como dizem -, começam a ficar nervosos. Não querem ver uma única boa notícia, os que escrevem e que falam, os que passam todo o dia a criticar o governo. Mas eu garanto-vos que virão as boas notícias, claro que vamos consegui-lo”. Zapatero acusou a oposição e alguma imprensa de explorar o momento menos feliz da economia espanhola. Uma crítica que foi naturalmente escutada pelo líder do PP. Mariano Rajoy, falando num comício do seu partido, recordou, com humor, a diferença entre as promessas de Zapatero e a realidade. “Há um ano, ele dizia-nos que não havia crise e prometia o pleno emprego. Hoje, ele não promete mais que subsídios e, daqui a alguns meses, vai-nos pedir paciência e oferecer-nos chá de tília”. Mariano Rajoy empolgado pelas sondagens que já colocam o PP à frente do PSOE. O Partido Popular lidera, com uma quota de intenções de voto de 40,8 por cento, enquanto os socialistas se ficam pelos 39,6. Isto significa que o PSOE perdeu quase quatro pontos, no primeiro ano da legislatura.