Última hora

Última hora

Companhias aéreas continuam a fazer publicidade enganosa

Em leitura:

Companhias aéreas continuam a fazer publicidade enganosa

Tamanho do texto Aa Aa

Quinze companhias aéreas continuam a fazer publicidade enganosa. A acusação é Bruxelas. A Comissão Europeia aponta também o dedo a 22 ‘sites’ de venda de bilhetes de avião, que continuam a indicar preços atractivos, aos quais se somam, depois, taxas e outros extras.

Uma prática à qual Bruxelas declarou guerra, há um ano. Desde então, embora apenas 16 companhias sejam totalmente cumpridoras, umas trinta transportadoras e mais de uma centena de ‘sites’ estão, pouco a pouco, a entrar na ordem. “Tenho o prazer de confirmar que a AirFrance/KLM e a British Airways se comprometeram, esta manhã, a fazer o necessário para garantirem o total respeito das regras e juntarem-se aos outros operadores líderes”, anunciou Meglena Kuneva, comissária europeia para os Consumidores. Bruxelas fez duas listas: a das empresas que ainda têm progressos a fazer, e a das que já cumprem as regras – como é o caso da TAP. Transportadoras ‘low cost’ como a EasyJet ou a Ryanair – que continuam a afixar preços mais baixos do que o valor real que os consumidores acabam por pagar – prometeram mudar de prática em breve.