Última hora

Última hora

Uma metáfora da Espanha actual

Em leitura:

Uma metáfora da Espanha actual

Tamanho do texto Aa Aa

Uma metáfora da Espanha actual. É desta forma que Pedro Almodóvar descreve o seu último filme, “Los Abrazos rotos”.

O realizador esteve esta terça-feira em Cannes para apresentar a nova película, com Penélope Cruz. As personagens femininas do realizador são emblemáticas. Almodóvar explicou porque razão fala tanto de mulheres: “Fui criado por mulheres. No fim dos anos 50 a minha mãe levava-me com ela para todo o lado o que me permitiu experimentar muitas coisas que desenvolvi ao longo da minha carreira”. Almodóvar é um “habitué” do Festival. Já ganhou dois prémios em Cannes mas nunca conseguiu a Palma de Ouro. Em conferência de imprensa, Penélope Cruz elogiou o trabalho do realizador espanhol: “Penso que é uma das melhores coisas que escreveu até agora. O argumento é um dos mais complexos, arriscados e ousados da carreira dele”. Pedro Almodóvar anunciou que tem em mãos vários projectos, entre eles um filme sobre a guerra civil de Espanha.