Última hora

Última hora

Economia japonesa cai 4%

Em leitura:

Economia japonesa cai 4%

Tamanho do texto Aa Aa

O Produto Interno Bruto (PIB) japonês caiu 4% no primeiro trimestre de 2009 em relação aos três meses precedentes, o que significa um ritmo de queda de 15,2% ao ano.

Trata-se de uma situação jamais vista desde a II Guerra Mundial sendo também a primeira vez desde então que a economia japonesa sofre quatro trimestres seguidos de contracção. O chefe do governo afirma que pernate as condições actuais a situação pdoe ser ainda grave. O decréscimo histórico do início de 2009 é ainda maior do que o sentido em 1974, aquando do choque petrolífero que levou a uma baixa no PIB de 13,1%. “Dizem que é a pior sirtuação desde a segunda grande guerra penso que não podemos cair mais baixo”, diz um trabalhador. Esta redução vertiginosa no Japão provém de uma queda inédita nas exportações devida à recessão internacional e a uma nítida diminuição no consumo interno, os que significa que os dois motores da economia estão avariados. Cerca de vinte economistas interrogados pelo instituto do grupo de imprensa Nikkei tinham vaticinado uma queda de 16% anual no primeiro trimestre do PIB, enquanto uma agência governamental fixava a previsão em 12,8% , após a queda de 12,1% no quarto trimestre de 2008. Apesar desta queda, os economistas esperam alguma retoma no segundo trimestre e seguintes de 2009.