Última hora

Última hora

Presidenciais Alemanha: Host Kohler favorito para a reeleição

Em leitura:

Presidenciais Alemanha: Host Kohler favorito para a reeleição

Tamanho do texto Aa Aa

Host Kohler é o favorito na corrida presidencial de hoje na Alemanha.

O actual chefe de Estado, da CDU, concorre pela segunda vez e deve ser reeleito à primeira volta, para um mandato de cinco anos, num escrutínio que é um teste para o executivo da Chanceler Angela Merkel rumo às legislativas de Setembro. O presidente é eleito pelos votos da Assembleia Federal e tem um papel político sobretudo simbólico. Kohler, antigo director do Fundo Monetário Internacional, junta o confortável apoio da CDU, da CSU e do FPD. A principal rival do actual presidente é Gesine Schwan, uma professora universitária e politóloga, candidata pelos sociais-democratas do SPD. Repetente nesta eleição, Schwan tem ainda o apoio do grupo parlamentar dos verdes e de alguns conservadores de esquerda, e assim, boas hipóteses de passar à segunda volta, caso Kohler não consiga uma maioria absoluta. O candidato apresentado pelo partido A Esquerda é Peter Sodann. Actor nascido na Alemanha de Leste, é mais conhecido como protagonista de uma série policial na televisão alemã. Sodann arrecada poucos apoios. Tradicionalmente, o chefe de Estado alemão é eleito a 23 de maio, dia em que entrou em vigor a Lei Fundamental no país. O escrutínio coincide este ano com o 60º aniversário da Constituição da República Federal da Alemanha, cujos festejos já começaram ontem.