Última hora

Última hora

Hoerst Koeller eleito em dia de celebrações nacionais

Em leitura:

Hoerst Koeller eleito em dia de celebrações nacionais

Tamanho do texto Aa Aa

Num ambiente de festa nacional, Hoerst Koeller foi reeleito presidente da Alemanha. A eleição decorreu no mesmo dia em que foram celebrados os 60 anos da constituição orientadora do país saído derrotado da II Guerra Mundial.

Logo na primeira de três voltas possíveis, o chefe de Estado conquistou mais de metade dos votos da assembleia federal, constituída por 1224 conselheiros do Bundestag e dos 16 Estados. Kohler, candidato da CDU de Angela Merkel, teve ainda o apoio dos Liberais e dos Eleitores Livres da Baviera. Gesine Schwan, apoiada pelos sociais-democratas da SPD, perdeu pela segunda vez frente a Kohler Mas o ambiente não foi apenas de festa. As ruas de Berlim foram palco escaramuças entre militantes de extrema-esquerda e a polícia. Os manifestantes contestavam as celebrações dos 60 anos da constituição alemã e do capitalismo. Num edifício, onde se podia ler “nada de partidos, nada de eleições e nada de Estado”, alguns manifestantes queimaram mesmo uma bandeira alemã.