Última hora

Última hora

Fuga de água dispara alarme de incêndio na sede da Comissão Europeia

Em leitura:

Fuga de água dispara alarme de incêndio na sede da Comissão Europeia

Tamanho do texto Aa Aa

Uma fuga de água e não um incêndio levaram hoje à evacuação do edifício da Comissão Europeia em Bruxelas.

Segundo os responsáveis das instalações, uma ruptura no sistema de aquecimento terá disparado o alarme de incêndio. O jorro de água quente provocou queimaduras num funcionário que se encontra hospitalizado. O presidente da Comissão foi surpreendido pelo alarme em plena conferência de imprensa sobre as propostas europeias sobre a reforma do sistema financeiro mundial. Durão Barroso, os jornalistas e os três mil funcionários abandonaram o local de forma tranquila. Este novo alarme ocorre nove dias após uma primeira evacuação do edifício. Na altura, um incêndio tinha sido detectado no décimo oitavo andar, junto ao gabinete de Barroso.