Última hora

Última hora

Europa procura resposta para a crise

Em leitura:

Europa procura resposta para a crise

Tamanho do texto Aa Aa

A paradisíaca cidade de La Baule, na costa atlântica francesa, é um excelente lugar para umas férias… mas, neste momento, discutem-se aqui assuntos muito importantes. A Sétima edição da Conferência Mundial de Investimento procura respostas para a crise económica e procura entender como a Europa pode continuar um lugar atractivo ao investimento na presente situação.

Este ano a conferência foi uma ocasião para a Ernst & Young apresentar o mais recente relatório de investimento para a Europa… apesar dos efeitos da crise, o investimento continua estável e a Europa continua a ser o lugar no mundo que mais dinheiro atrai. Segundo um responsável pela empresa, Marc Lhermite, a percepção que o mundo tem da Europa é ainda a do Velho Continente, apesar de continuar a ser a primeira na economia mundial. Esta percepção implica que os projectos de longo prazo beneficiem sobretudo os países emergentes – a China, a Índia, a América Latina e provavelmente também a Rússia. Também a Hungria, numa situação crítica, veio a La Baule captar inversões. O Ministro húngaro da economia explica que foram aplicadas ferramentas e métodos próprios do sector dos negócios. E que levam a cabo um controlo muito estrito sobre todas as iniciativas, a fim de gerir a crise. Para a maioria dos analistas, o Sol voltará a bilhar dentro de um ano sobre a economia mundial, especialmente na Europa.