Última hora

Última hora

Berlusconi vence mas não está satisfeito com resultados das europeias

Em leitura:

Berlusconi vence mas não está satisfeito com resultados das europeias

Tamanho do texto Aa Aa

Silvio Berlusconi não está contente com os resultados das europeias e tem razão. O chefe do governo italiano venceu com larga maioria, mas ficou aquém, dos objectivos que se tinha fixado. O Partido do Povo e da Liberdade conseguiu 35,26% dos votos, quando o objectivo era de 40%. Berlusconi tinha tentado transformar a eleição num plebiscito.

A principal força da oposição, o Partido Democrático, obteve 26,3%. O PD perdeu cerca de 7% relativamente às últimas eleições italianas mas amortecendo, mas conseguiu amortecer a queda anunciada após as diversas derrotas políticas eleitorais que vem registando e a guerra pela liderança que ditou a partida de Walter Veltroni. Eufórica está a Liga do Norte. A formação antieuropeia e anti-imigração, que faz parte da coligação governamental, reforçou o seu peso nas urnas. Obteve 10,2%, o dobro em relação a 2004. A participação dos eleitores italianos baixou mais de 5% relativamente às europeias de 2004, mas com 66,5%, é ainda uma das mais elevadas na Europa. Um facto ao qual não é alheia a realização simultânea de eleições municipais.