Última hora

Última hora

O "sim" de Barroso a Fisher

Em leitura:

O "sim" de Barroso a Fisher

Tamanho do texto Aa Aa

A vitória do Partido Popular Europeu promete facilitar a recondução de José Manuel Durão Barroso na presidência da Comissão Europeia.

Em conferência de imprensa, em Bruxelas, Barroso confirmou perante o Presidente em exercício da União Europeia, Jan Fischer, a candidatura a um segundo mandato. O PPE que se mantém como a força política maioritária no Parlamento Europeu pediu que aos governos dos 27 para que confirmem na cimeira que decorre entre 18 e 19 de Junho, a reeleição de Durão Barroso. O Partido Popular Europeu, onde têm assento os deputados portugueses do PSD e CDS-PP, mantém a mesma percentagem na nova assembleia. Os Socialistas Europeus são os grandes derrotados. O grupo dos Verdes ganha força no Parlamento Europeu graças à Alemanha e à França. Os ecologistas, a extrema-esquerda, bem como, parte dos socialistas e dos sociais-democratas não querem ver o candidato português em Bruxelas. O eurodeputado ecologista alemão, Daniel Cohn-Bendit, mostra-se mesmo disposto a formar uma coligação anti-Barroso. O Parlamento Europeu tem a última palavra e vai ter de confirmar o nome proposto pelos líderes europeus.