Última hora

Última hora

A Itália e a Líbia reforçam laços e prometem ultrapassar o passado colonial

Em leitura:

A Itália e a Líbia reforçam laços e prometem ultrapassar o passado colonial

Tamanho do texto Aa Aa

O chefe de Estado Líbio está desde ontem na capital italiana para um visita considerada histórica.

Kadhafi pronunciou há momentos um discurso diante dos senadores. Uma palestra que fica marcada pelas críticas da oposição. Inicialmente estava previsto que o chefe de estado libio falasse na sala do plenário mas a cerimónia foi transferida devido à contestação de alguns senadores. Mas foi no plano dos negócios que esta visita assumiu um carácter especial. No discurso, o coronel e guia da Revolução agradeceu a Silvio Berlusconi por finalmente os dois países terem concluído no ano passado um Tratado de Amizade. A Itália vai investir 3,5 mil milhões de euros nos próximos 25 anos em infraestruturas, nomeadamente no sector da habitação e numa longa autoestrada no litoral líbio. A visita de Kadhafi foi criticada pelas organizações de direitos humanos, nomeadamente devido ao acordo entre Roma e Tripoli para controlar a imigração ilegal. O entendimento prevê que a Itália repatrie os migrantes que atravessaram o Mediterrâneo provenientes da Líbia.