Última hora

Última hora

Assistência médica por satélite

Em leitura:

Assistência médica por satélite

Tamanho do texto Aa Aa

O que fazer quando ocorre uma emergência em pleno voo e não há médicos no avião? A resposta passa por um aparelho de comunicação por satélite para diagnóstico e tratamento médico à distância.

Numa altura em que o volume do tráfego aéreo é cada vez mais intenso e se estima que anualmente dois mil milhões de pessoas viajem por avião, as companhias aéreas apostam na telemedicina. Em caso de emergência médica em pleno voo, uma hospedeira, por exemplo, pode recolher dados do paciente e transmiti-los, em directo, a um centro médico em terra.