Última hora

Última hora

Grupo BRIC faz cimeira inédita

Em leitura:

Grupo BRIC faz cimeira inédita

Tamanho do texto Aa Aa

As quatro maiores economias emergentes do planeta querem ter uma palavra mais forte a dizer na gestão da economia mundial. Por isso, os líderes do Brasil, Rússia, Índia e China, o grupo conhecido como BRIC, está a ter a primeira cimeira em Ekaterinburgo, na Rússia.

Estes quatro países representam já 15% da economia global, uma fatia que cresceu para o dobro nos últimos dez anos. A Rússia, anfitriã do encontro, quer ver discutida a questão das reservas de divisas. Acredita que, além do dólar, as economias emergentes vão ter que juntar outras moedas estrangeiras às reservas. Os comentários do presidente russo Dmitri Medvedev causaram uma nova queda no dólar. Medvedev pede ao FMI que adicione ao cabaz o yuan chinês, o dólar australiano, o rublo russo ou ainda o ouro. Actualmente, este cabaz serve como base para os empréstimos aos países membros do fundo e inclui o dólar, o euro, o iene e a libra. Apesar de algumas divisões no seio destes quatro países, a verdade é que estão a influenciar cada vez mais o mundo da finança mundial.