Última hora

Última hora

Governo do Perú faz marcha atrás

Em leitura:

Governo do Perú faz marcha atrás

Tamanho do texto Aa Aa

O governo do Perú pediu a anulação dos decretos- lei sobre a propriedade da terra contestados pelas comunidades indígenas.

A proposta apresentada no Parlamento visa, de acordo com o primeiro-ministro, evitar a ocorrência de episódios idênticos aos que vitimaram mais de 30 pessoas a 05 e 06 de Junho. “A isto chamamos paz, tranquilidade e responsabilidade do governo para com os nossos irmãos da Amazónia” afirma Yehud Simon. O braço-de-ferro entre o poder político e as comunidades indígenas da Amazónia peruana dura há cerca de dois meses. Pelo meio registaram-se vários confrontos entre a polícia e os manifestantes, o mais grave em Bagua. O exército foi acusado de ter ocultado o cadáver de vários indigenas nos confrontos de Junho. Acusações rejeitadas pelo governo. Entretanto, o principal líder dos movimentos indígenas, Alberto Pizango, encontra-se refugiado na embaixada da Nicarágua onde pediu asilo político.