Última hora

Última hora

Manifestantes iranianos participam em dia de luto

Em leitura:

Manifestantes iranianos participam em dia de luto

Tamanho do texto Aa Aa

Seis dias depois das eleições presidenciais no Irão a contestação não desarma. Hoje os iranianos devem sair à rua para mais um protesto pacífico e silencioso como o que ontem ocorreu. Um desfile que mereceu mesmo a primeira página de um jornal reformista que, assim, desafiou o poder.

As concentrações programadas para hoje foram convocadas por Mir Hossein Mousavi para homenagear os sete iranianos mortos na segunda-feira por fiéis à ala dura do regime. De acordo com os resultados oficiais Mousavi ficou em segundo lugar nas presidenciais. Mas não é o único a contestar os números publicados. Os restantes dois candidatos, um dos quais conservadores, também rejeitam os resultados. O Conselho dos Guardiões vai ouvir as queixas este sábado. Entretanto, o presidente Mahmoud Ahmedinejad pode estar a perder apoios entre os mais altos dignitários do clérigo xiita. Ontem houve mais um grande ayatollah, o quarto desde sábado, a reclamar um tratamento imparcial das queixas e um veredito convincente.