Última hora

Última hora

Escalada de violência no Irão leva líder supremo a falar ao povo

Em leitura:

Escalada de violência no Irão leva líder supremo a falar ao povo

Tamanho do texto Aa Aa

Esta sexta-feira o Aiatola Ali Khamenei vai dirigir-se aos iranianos, depois de terem sido ignorados os apelos à união em torno do presidente reeleito, pelos apoiantes do candidato derrotado às eleições presidenciais.

A reeleição de Mahmoud Ahmadinejad gerou uma onda de protestos que duram à sete dias. Ontem, centenas de milhares de iranianos juntaram-se no centro de Teerão numa jornada de dor e luto pelas vítimas da repressão policial dos últimos dias. Desde sexta-feira foram detidas várias pessoas, entre elas o cabeça de lista do Movimento Liberdade, preso quando se encontrava no hospital. Entretanto o Presidente suaviza as críticas que fez aos manifestantes garantindo que só condena os que são violentos. Segundo os Mujahedines do Povo, grupo oposicionista no exílio, morreram, pelo menos 43 pessoas, nos primeiros cinco dias de confrontos. Os média estatais iranianos falam em apenas sete ou oito. Entretanto as mais de seiscentas queixas relativas, às eleições já começaram a ser analisadas pelo Conselho dos Guardiões.