Última hora

Última hora

Espanha de luto

Em leitura:

Espanha de luto

Tamanho do texto Aa Aa

Manifestações de luto basco no dia em que foi a enterrar o inspector assassinado, esta sexta-feira, num atentado atribuído à ETA. A cerimónia foi acompanhada por milhares de pessoas. Amigos, familiares, representantes políticos e os príncipes das Astúrias deslocaram-se a Arrigorriaga para prestar homenagem à mais recente vítima da organização separatista basca.

Eduardo Peulles Garcia era um dos responsáveis na luta anti-terrorista no País Basco, tinha 49 anos e era pai de duas crianças, tinha participado em inúmeras manifestaçoes policiais contra a organização separatista que terminou com a detenção de mais de 70 membros da ETA. Esta manhã as manifestações de condenação de mais este acto terrorista, tiveram lugar em várias cidade espanholas. Os manifestantes observaram igualmente um minuto de silêncio ao meio dia hora local. Este tipo de manifestação teve também lugar em Bilbao já ao final da tarde. Tratar-se do primeiro ataque no País Basco desde a tomada de posse do novo governo autónomo liderado por Patxi Lopez. O método do assassinato, uma bomba magnética colocada no depósito do carro denuncia o grupo terrorista. Em mais de 40 anos de luta a ETA é responsável por mais 800 mortes.