Última hora

Última hora

Polícia detém três alegados etarras

Em leitura:

Polícia detém três alegados etarras

Tamanho do texto Aa Aa

A polícia espanhola deteve três alegados membros da ETA numa operação iniciada de madrugada com coordenação do juiz Baltazar Garzon.

As autoridades apreenderam também duas viaturas, vários produtos usados na confecção de explosivos, abundante material informático e documentação diversa. Olatz Lasabaster, Patxi Uranga e Ainara Vasquez foram detidos nas localidades bascas de Usurbil e Astigarraga. Os suspeitos não têm cadastro mas a polícia crê serem responsáveis por atentados cometidos contra obras e empresas do projecto de construção do Comboio de Alta Velocidade. As detenções surgem quatro dias depois do ataque que vitimou um oficial de unidade antiterrorista da polícia mas de acordo com a polícia não existe relação entre os dois casos. O primeiro-ministro espanhol jurou este fim-de-semana que vai dar luta sem tréguas à ETA acusada de ser responsável pela morte de mais de 800 pessoas em 40 anos de luta.