Última hora

Última hora

Banho de sangue num mercado de Bagdade

Em leitura:

Banho de sangue num mercado de Bagdade

Tamanho do texto Aa Aa

A uma semana da retirada das forças de combate americanas dos principais centros urbanos do Iraque, a violência aumenta em Bagdade.

Os ataques ocorridos desde segunda-feira mataram mais de centena e meia de pessoas em todo o país, na sua maioria civis. Esta quarta-feira, pelo menos 72 pessoas morreram e mais de 100 ficaram feridas na sequência de novo atentado bombista. O ataque ocorreu num movimentado mercado do bairro de Sadr City na zona leste da capital, uma área pobre e de maioria xiita muçulmana. A violência aumenta de intensidade dois dias depois dos militares norte-americanos terem formalmente cedido o controlo do bastião xiita afecto ao clérigo Muqtada al-Sadr às forças locais.