Última hora

Última hora

Presidente do Irão exige desculpas de Obama

Em leitura:

Presidente do Irão exige desculpas de Obama

Tamanho do texto Aa Aa

O presidente iraniano endurece o tom face à comunidade internacional.
 
Mahmmoud Ahmadinejad exige que Barack Obama se desculpe por interferir nos assuntos internos do Irão e acusa os líderes europeus que criticam Teerão de serem “atrasados políticos”.
 
No seu sítio na Internet, o líder da oposição iraniana afirma que é alvo de pressões para renunciar ao protesto.
 
Mir-Hossein Mousavi apela à continuação do movimento de forma pacífica e “respeitando os princípios da revolução islâmica”.
 
As autoridades retomaram o controlo das ruas, depois da onda de manifestações que se seguiu ao anúncio do resultado das presidenciais a 13 de Junho.
 
Segundo testemunhas, ontem, a polícia usou a força para impedir um protesto de poucas centenas de pessoas em frente ao parlamento.
 
O comandante dos Guardas da Revolução da região de Teerão afirma que a calma regressou às ruas da capital.
 
Segundo diferentes media, as autoridades detiveram 140 pessoas, nomeadamente professores, jornalistas e estudantes.
 
Entretanto a televisão pública divulga imagens do regresso à normalidade.
 
Esta quinta-feira um milhão e vinte e cinco mil estudantes participaram nas provas de acesso ao ensino superior.