Última hora

Última hora

Primeiro-ministro croata demite-se sem avançar motivo

Em leitura:

Primeiro-ministro croata demite-se sem avançar motivo

Tamanho do texto Aa Aa

Sem apresentar motivo e de surpresa, o primeiro-ministro croata Ivo Sanader anunciou a demissão e, além de ter afastado a hipótese de se candidatar à presidência, acrescentou ter colocado um ponto final na carreira política.

Não foi adiantada qualquer explicação para se ter demitido quando faltam dois anos para o fim do seu mandato. Sanader abandona também todos os restantes cargos políticos que ocupa, incluindo o de líder do partido da Aliança Democrata da Croácia, o HDZ. Estima-se que seja substituído como chefe de governo e líder do partido pela vice-primeira-ministra Jadranka Kosor. Ivo Sanader assumiu a chefia do governo em 2003 e estabeleceu como principais metas a adesão à NATO e à União Europeia. A entrada na Aliança Atlântica foi conseguida no entanto a integração europeia esteve paralisada face a um conflito territorial com a Eslovénia no golfo de Piran. Liubliana recorreu ao direito de veto para bloquear as negociações. Mas no mês passado, a Croácia aceitou a mediação de Bruxelas para o desentendimento, facto que coloca o país no caminho certo para aderir já no próximo ano. Este assunto terá sido um dos motivos para a demissão do primeiro-ministro.