Última hora

Última hora

Búlgaros vão hoje às urnas

Em leitura:

Búlgaros vão hoje às urnas

Tamanho do texto Aa Aa

A Bulgária vai às urnas, este domingo, depois de uma campanha eleitoral que deixou indiferente grande parte da população.

Estas eleições não vão produzir nenhuma solução de governo, obrigando depois a uma coligação. De acordo com as sondagens, nenhum partido obterá uma maioria absoluta. Certa é a derrota do Partido Socialista e do primeiro-ministro, Sergei Stanichev. Deverá obter uma votação entre os 19 e os 22 por cento. As medições de opinião também são conclusivas em relação à vitória do Partido para o Desenvolvimento Europeu da Bulgária, de matriz populista, chefiado pelo actual presidente da Câmara de Sófia, Boiko Borrissov. Uma das suas grandes medidas, foi a multiplicação dos efectivos policiais da capital. Custou-lhe muitas críticas, mas rendeu-lhe muitos votos. Todas as sondagens lhe antecipam a vitória, com valores que oscilam entre os 26 e os 30 por cento. Usou recursos de campanha pouco vistos por estas paragens, como um grande concerto de música popular. Importante numa futura solução governativa pode ser Almed Dogan, o lider do Movimentos dos Direitos e Liberdades que agrupa a minoria de origem turca. As sondagens dão-lhe uma expectativa de voto de 10 a 13 por cento. Tem contra si o facto de ter pertencido à polícia política do regime comunista e a má prestação dos seus ministros da Agricultura e do Ambiente, no actual governo.