Última hora

Última hora

Oposição vence legislativas búlgaras

Em leitura:

Oposição vence legislativas búlgaras

Tamanho do texto Aa Aa

A festa dos partidários de Boiko Borisov em Sofia. O centro-direita, até agora na oposição, venceu as eleições legislativas na Bulgária.

A formação do presidente da câmara da capital duplica os resultados obtidos nas recentes eleições europeias. Na reacção aos resultados Borisov afirmou que agora não pode deixar de liderar o governo búlgaro, defendendo que o triunfo é uma prova de confiança dos que o conhecem como empresário e político há uma década independentemente do que muitos possam dizer. O GERB vence com mais de 40% dos votos, mas não alcança a maioria absoluta. Os socialistas e restantes formações ficam abaixo dos 18%. Uma derrota para os socialistas e que dita o afastamento do primeiro-ministro já que o centro-direita exclui qualquer possibilidade de uma “grande coligação”. O ainda chefe do governo, Sergei Stanichev reconheceu a derrota dos socialistas e apelou aos militantes a reflectirem porque é que depois de vários mandatos de sucesso o partido não conseguiu um bom resultado. Boiko Borisov, um antigo segurança pessoal terá agora a missão de formar um governo. O centro-direita tem como parceiro potencial a Coligação Azul. O novo executivo terá como uma das principais prioridades o combate à corrupção endémica, que mancha estas legislativas com vários casos de suspeita de compra de votos. Outra missão urgente, no país mais pobre da União Europeia é a negociação de um empréstimo junto do Fundo Monetário Internacional para ajudar uma economia profundamente afectada pela crise económica global.