Última hora

Última hora

É o último adeus ao rei da pop

Em leitura:

É o último adeus ao rei da pop

Tamanho do texto Aa Aa

O Staples Center, em Los Angeles, foi um dos locais escolhidos para a homenagem pública a Michael Jackson. Um espaço com uma capacidade para 20 mil pessoas, seguida de perto por milhares de fãs.

Esta terça-feira, Mariah Carey e Lionel Richie subiram ao palco, o mesmo onde a estrela norte-americana preparava o regresso a Londres “Quanto mais penso e falo de Michael Jackson mais sinto que “rei da pop” não é suficiente grande para ele. Penso que ele é simplesmente o maior artista de sempre” afirma Berry Gordy, fundador da discográfica Motown. Uma cerimónia à escala planetária como pretendia a família e onde não faltou Stevie Wonder. Michael Jackson morreu quinta-feira, vítima de uma paragem cardíaca. Para a posteridade ficam temas como “You are not alone.”