Última hora

Última hora

Tratado de Lisboa: novo referendo irlandês é a 2 de Outubro

Em leitura:

Tratado de Lisboa: novo referendo irlandês é a 2 de Outubro

Tamanho do texto Aa Aa

O governo de Dublin tem até ao dia 2 de Outubro para convencer os irlandeses a dizerem “sim” ao Tratado de Lisboa. A data do novo referendo foi anunciada esta quarta-feira, pelo primeiro-ministro.

Brian Cowen já começou a tentar tranquilizar os irlandeses, sobre as preocupações que os levaram a dizer não ao Tratado de Lisboa, no primeiro referendo. “Desde o último referendo que o nosso objectivo tem sido trabalhar com os outros dirigentes para dar respostas às preocupações do povo”, disse, perante o Parlamento. “Penso que agora temos as garantias legais, que receberam o acordo dos 27 chefes de Estado e de governo da União Europeia e por isso aconselhei o governo a voltar a consultar o povo, para que este aprove a ratificação do Tratado, pela Irlanda.” A neutralidade militar do país, a política fiscal e a interdição do aborto foram as preocupações que levaram os irlandeses a dizerem “não” no primeiro referendo, realizado em Junho do ano passado. Os irlandeses exigiam também a manutenção do seu próprio comissário. Agora, as sondagens indicam que 54% dos irlandeses é favorável ao texto. A prova dos nove será, pois, no próximo dia 2 de Outubro, quando os irlandeses dirão se querem, ou não, o Tratado de Lisboa. Um tratado que permitirá um funcionamento mais eficaz das instituições europeias.