Última hora

Última hora

Dia de extrema violência no Iraque

Em leitura:

Dia de extrema violência no Iraque

Tamanho do texto Aa Aa

Pelo menos 41 pessoas morreram e outras 80 ficaram feridas em atentados suicidas quase em simultâneo na cidade de Tal Afar, perto de Mossul, no Norte do Iraque e em Bagdad. Aqui vivem curdos, árabes, cristãos e outras minorias

O alvo foi o mesmo nos dois ataques de Tal Afar: a casa de dois funcionários da unidade anti-terrorista, no bairro de Al-Qalaa, que funciona também como anexo ao tribunal da cidade e onde eram conduzidos interrogatórios de pessoas suspeitas de levarem a cabo “actos terroristas”. Primeiro, houve uma explosão que matou cerca de 20 pessoas, e quando a multidão acorreu ao local deu-se uma segunda explosão que surpreendeu mulheres, crianças e autoridades. Nesta mesma manhã Bagdad foi cenário de outras duas explosões, junto ao mercado de Sadr City, uma área xiita pobre da capital iraquiana, nas quais se registaram pelo menos seis mortos e 24 feridos. A polícia especificou que os dois engenhos explosivos tinham sido colocados em montes de lixo.